Morre Arthur Hiller, diretor do clássico 'Love Story'

SÃO PAULO, 17 AGO (ANSA) - O mundo do cinema ficou sem mais uma estrela nesta quarta-feira, dia 17. Aos 92 anos, morreu hoje o renomado cineasta canadense Arthur Hiller, diretor de "Love Story".   


A notícia foi divulgada em um comunicado à imprensa da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. De acordo com a nota, o artista faleceu de "causas naturais".   


Hiller nasceu em Alberta, no Canadá, em 1923. Sua carreira como diretor começou na década de 1950, na televisão, após ter lutado na Segunda Guerra Mundial. Nesse ramo, o canadense foi responsável por dirigir, por exemplo, o episódio piloto de "A Família Addams".   


Já no cinema, Hills ficou conhecido principalmente pelo seu trabalho no filme "Love Story", de 1970, estrelado por Ali MacGraw e Ryan O'Neal. Com ele, o diretor recebeu as suas primeiras e únicas indicações ao Oscar.   


Além disso, o presidente da Academia de 1993 a 1997 também dirigiu algumas comédias notáveis, como "Cegos, Surdos e Loucos", "O Homem de La Mancha", "Forasteiros em Nova York", "Hospital" e "O Expresso de Chicago". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos