Brasil leva prata na canoagem, e Isaquias bate recorde

RIO DE JANEIRO, 20 AGO (ANSA) - Os brasileiros Isaquias Queiroz, 22, e Erlon de Souza, 25, conquistaram neste sábado (20) a medalha de prata na canoagem de velocidade C2 1000 metros, o 16º pódio do país nos Jogos Olímpicos Rio 2016.   


Com isso, Isaquias tornou-se o primeiro atleta brasileiro a vencer três medalhas em uma mesma edição de Olimpíadas. A dupla verde e amarela liderou durante quase toda a prova, mas acabou sendo ultrapassada pelos alemães Sebastian Brendel e Jan Vandrey nos 250 metros finais. Brendel é o mesmo que batera Isaquias no C1 1000 metros.   


A canoa da Alemanha terminou a prova em 3m43s912, pouco menos de um segundo à frente do Brasil, que fez 3m44s819. O bronze ficou com os ucranianos Dmytro Ianchuk e Taras Mishchuk (3m45s949).   


Para Erlon, foi a primeira medalha olímpica.   


Já Isaquias, com apenas 22 anos de idade, entrou para uma seleta lista de brasileiros com pelo menos três pódios em Olimpíadas - ele também tem um bronze na canoagem C1 200 metros. Ao todo, o Brasil soma 16 medalhas no Rio de Janeiro (cinco de ouro, seis de prata e cinco de bronze) e tem mais duas garantidas: no futebol e no vôlei masculinos.   


Com isso, o país certamente ultrapassará o recorde de 17 pódios conquistados em Londres 2012. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos