Venda de "pasta à amatriciana" ajudará vítimas de terremoto

Em São Paulo

A cidade de Amatrice deu fama mundial à "pasta à amatriciana". Agora, é a vez da receita ajudar o município, que foi um dos mais devastados pelo terremoto de magnitude 6,2 que atingiu a zona central da Itália nesta madrugada (24), provocando a morte ao menos 120 pessoas.

Arte UOL
Região de Rieti foi o epicentro do terremoto

Em solidariedade à cidade, foi lançada uma campanha para arrecadar verba para os desabrigados e familiares das vítimas. Para cada prato de pasta à amatriciana consumido em restaurantes do país, serão doados 2 euros à população, sendo que 1 euro virá da Cruz Vermelha e outro do próprio cliente.

O famoso "spaghetti alla amatriciana" nasceu da tradição dos pastores de Amatrice, que fica na região do Lazio, e a receita leva guanciale (um tipo de bacon), queijo pecorino e molho.

Em 2012, após o terremoto que atingiu a região da Emilia Romagna, o chef de cozinha, Massimo Bottura, atualmente considerado o melhor do mundo, ajudou os produtores de queijo locais a venderem milhares de parmesões que tinham sido danificados.

Na ocasião, ele criou um risoto de parmesão que logo entrou no menu de vários restaurantes ao redor do mundo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos