Bandeira símbolo do 11 de setembro será exposta em Nova York

NOVA YORK, 08 SET (ANSA) - A bandeira norte-americana que tremulou entre os escombros do "marco zero" dos atentados de 11 de setembro de 2001 em Nova York será exibida no museu dedicado à tragédia a partir desta quinta-feira (8), após ter passado mais de 13 anos desaparecida.   

O estandarte, içado em meio aos entulhos do World Trade Center como símbolo de resistência dos Estados Unidos, voltou para Manhattan justamente a tempo do aniversário de 15 anos do maior atentado da história do país.   

Feita pelo fotógrafo Thomas Franklin, a imagem da bandeira tremulando em meio a um mar de metal e concreto virou rapidamente um ícone, assim como a daquela levantada após a Batalha de Iwo Jima, na Segunda Guerra Mundial.   

No entanto, ela desapareceu misteriosamente poucos dias depois dos ataques de 11 de setembro, até ser recuperada, no fim de 2014, no estado de Washington, do outro lado do país. Seu sumiço foi até motivo de um programa especial no canal "History".   

A bandeira estava sobre um plástico no quartel do Corpo de Bombeiros da cidade de Everett e foi achada por um ex-fuzileiro chamado Brian, que alega tê-la recebido de um funcionário federal. Por sua vez, o servidor a teria obtido com a viúva de uma vítima do 11 de setembro.   

Contudo, continua sendo um mistério o que aconteceu com a bandeira após seu desaparecimento. Os atentados contra as Torres Gêmeas, em Nova York, e o Pentágono, em Washington, e a queda de um avião sequestrado na Pensilvânia provocaram quase 3 mil mortes. (ANSA) (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos