Quadro leiloado na Sotheby's por 8 milhões de libras é falso

SÃO PAULO, 06 OUT (ANSA) - Uma pintura do artista alemão Frans Hals vendida por 8,4 milhões de libras esterlinas pela casa de leilões Sotheby's, a mais renomada do mundo, é falsa.   


O quadro, comprado em 2011 por um norte-americano não identificado, passou por testes de pigmentação para comprovar sua autenticidade. "Infelizmente, as análises comprovaram a indubitável fraude. Vamos rescindir a compra e reembolsar o valor completo ao cliente", declarou a Sotheby's por meio de uma nota.   


O proprietário original da obra, Mark Weiss, está sendo acusado de falsificar outras pinturas, inclusive uma tela do artista do século 16 Parmigianino vendida por pouco menos de US$ 1 milhão em 2012, também pela Sotheby's. O caso está sendo investigado.   


O escândalo começou em março deste ano, quando a autenticidade de uma pintura proveniente de Weiss foi colocada em xeque. O quadro "Venus", do alemão Lucas Cranach, pertencente ao príncipe de Liechtenstein, foi apreendido pela polícia francesa após especialistas levantarem dúvidas sobre sua autenticidade durante uma exposição no país.   


O caso colocou em alerta os milionários que compram obras de arte na Sotheby's, principalmente em relação à atuação dos especialistas que haviam garantido a autenticidade dos quadros questionados.   


A pintura atribuída a Frans Hals pode ser considerada a falsificação de melhor qualidade de todos os tempos, segundo historiadores da arte. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos