Atentado palestino em Jerusalém mata 2 israelenses

TEL AVIV, 9 OUT (ANSA) - Três pessoas morreram e várias ficaram feridas neste domingo (9) em um atentado cometido por um palestino em Jerusalém, informou a polícia de Israel. Um homem começou a atirar contra todas as pessoas que passavam perto do comando central da polícia israelense em Ammunition Hill. De acordo com a imprensa local, um homem e uma mulher que foram baleados morreram no hospital. O agressor também foi morto pela polícia e várias outras pessoas ficaram feridas no atentado.   

Duas delas foram atingidas pelos tiros enquanto aguardavam o trem em uma estação. "O terrorista que abriu fogo foi atingido e morto. Elevamos o nível de segurança na cidade", informaram as autoridades pelo Twitter.   

Lideranças do grupo palestino Hamas elogiaram a atuação do atirador, cuja a identidade tem sido revelada pelos jornais locais como Misbah Abu Sbeih. O atirador deixou uma mensagem aos palestinos antes de iniciar o atentado: "façam como eu", pedindo para todos os fiéis muçulmanos se rebelarem contra Israel. O texto foi transmitido a Gaza por emissoras ligadas ao Hamas. O Conselho de Defesa de Israel, a pedido do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, reuniu-se de emergência para analisar as repercussões do atentado. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos