Benigni diz que Dario Fo era 'um orgulho' para a Itália

ROMA, 13 OUT (ANSA) - O ator e diretor italiano Roberto Benigni lamentou nesta quinta-feira (13) a morte do Nobel de Literatura Dario Fo. "É uma grande perda a morte de Dario Fo. Um autor extraordinário, inovador, inimitável. Um orgulho de nosso país.   


Todos devemos algo para ele", disse Benigni visivelmente emocionado.   


Quem também lamentou a morte foi a prefeita Virginia Raggi, que faz parte do partido apoiado por Dario Fo, o Movimento Cinco Estrelas (M5S). "Adeus, Dario. Obrigada por nos dar as mãos e nos acompanhado quando éramos poucos contra a corrente. Agora, cabe a nós levar adiante as suas ideias. E nós faremos", escreveu em seu Twitter.   


Já a Inter de Milão, time de coração do escritor, também prestou homenagens. "Encontrar uma dimensão sobre Dario Fo é impossível: autor, escritor, ator, cantor, poeta, prêmio Nobel de Literatura em 1997. Nós o recordamos, simplesmente, como um grande italiano e estamos orgulhosos de homenageá-lo como torcedor do Inter", escreveu o clube em nota. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos