Apesar de desculpas, organizada da Inter não perdoa Icardi

ROMA, 18 OUT (ANSA) - A polêmica autobiografia de Mauro Icardi parece não ter fim. Após pedir desculpas públicas por partes de seu livro e de anunciar que as páginas "controversas" serão retiradas das novas edições, o capitão da Inter de Milão não foi perdoado pelos torcedores da Curva Nord, um da organizadas do time.   


"Peço desculpas e me empenharei para que essas páginas não existam mais, de modo que ninguém possa se sentir ofendido, traído ou ameaçado. Falei com o clube e nós fechamos esse parênteses feio e todos nos unimos em um só objetivo: o bem da Inter", postou o jogador no site do clube.   


"Tudo nasceu de uma página do meu livro que, provavelmente, foi escrita com muito instinto. Uma página onde alguns tons foram inapropriados e estou muito desapontado que foram para os torcedores da Inter. No futuro, tentarei ser mais atento, o que meu papel no time me impõe", concluiu.   


Porém, através de nota em seu site, a torcida afirmou que Icardi "não é nosso capitão nem nunca mais será" e que o time "precisa de nós" e não de jogadores como ele. "É um capítulo encerrado para nós. Não queremos mais falar ou saber de nada sobre isso", escreveram os torcedores.   


A confusão com Icardi começou no último final de semana por dois motivos. O primeiro é uma história contada pelo atacante de que a Curva Nord arrancou das mãos de um menino uma camisa dada por ele após um jogo - fato que a torcida diz ser "fantasioso". O segundo porque o argentino afirma que queria "trazer 100 assassinos da Argentina" para matar os torcedores organizados.   


A publicação causou muita revolta na Curva Nord, que foi ao estádio na partida contra o Cagliari portando faixas criticando Icardi e o chamando de "Mercenário". A situação ainda se complicou quando o atacante perdeu um pênalti e os torcedores ironizaram a cobrança perdida com um longo aplauso. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos