Áustria pretende demolir casa natal de Adolf Hitler

ROMA, 18 OUT (ANSA) - A casa natal do ditador nazista Adolf Hitler, na Áustria, será demolida, anunciou o ministro do Interior austríaco, Wolfgang Sobotka, nesta segunda-feira (17).   


O edifício de três andares está localizado na cidade de Braunau am Inn, no norte do país, e é de uma proprietária privada que se recusa a vender o imóvel para o governo, que a aluga desde 1972.   


Ainda não ficou claro se após inúmeras propostas, a proprietária decidiu vendê-la ou se o governo vai ocupá-la para a demolição.   


No entanto, após a repercurssão negativa do pronunciamento de ontem, Sobotka convocou nesta terça-feira (18) um comitê de especialistas para decidir, de fato, o destino do local. Segundo a emissora britânica "BBC", o comitê anunciou ser contra a destruição do local e os membros defendem apenas uma "reforma" na residência. Alguns deles argumentaram que "a demolição do edifício pode dar a impressão de estar destruindo uma parte da história da Áustria". Por causa disso, Sobotka declarou hoje que será feita "uma reestruturação arquitetônica para que o edifício fique irreconhecível". O projeto do governo quer acabar com qualquer relação com o ditador nazista, visto que o local é visitado constantemente por simpatizantes da ideologia ultraconservadora neonazista e se tornou ponto de adoração.   


As reformas pretendem deixar a casa irreconhecível com o intuito de não ser mais um símbolo do nazismo e passar a ser um local dedicado a causas sociais. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos