Há 15 anos, iPod era lançado e mudava história da música

Por Titti Santamato ROMA, 20 OUT (ANSA) - No dia 23 de outubro de 2001, a Apple lançada um de seus aparelhos que mudariam a história da música: o iPod.   


Apesar de 15 anos não ser muito tempo na história do mundo, parece ter passado uma era geológica para a tecnologia e a maneira de consumir música desde então. Cerca de oito meses antes de lançar o gadget, Steve Jobs lançava o iTunes, que vendia música online.   


Os dois produtos foram impenscindíveis para a transição entre a música analógica e a digital e davam um duro golpe nos downloads ilegais e abria, mesmo que não se falasse na época, a estrada para os serviços de streaming atuais.   


Antes do iPod e da música online, só era possível ouvir canções em aparelhos tradicionais através de cds, que continham apenas entre 10 e 15 músicas. Pouco tempo antes dos álbuns, haviam as fitas cassete e os walkmans, que começaram a estourar na década de 1980. E antecedendo tudo isso, os tradicionais discos de vinil.   


Com a chegada dos leitores de mp3, tudo que havia no passado restou para os amantes do "vintage" ou para os museus. O primeiro iPod tinha capacidade para apenas cinco gigabytes - contra os 128GB atuais do iPod Touch. "Uma biblioteca inteira, pessoal, porque nós amamos a música", disse Jobs ao apresentar o gadget em 2001.   


Na sequência, chegou a novidade "shuffle", que permitia mixar a lista e criava uma playlist "surpresa", e por último, a versão Touch, que é similar a um celular - mas que não faz ligações. Do resto, é possível ouvir música, ler livros, tirar fotos, usar diversos aplicativos.   


A passagem para a música digital ainda desapareceu com o Napster, que permitia baixar canções ilegalmente, e deu um duro golpe na pirataria digital. Segundo dados oficiais da Nielsen, a compra de músicas digitais cresceu 59% enquanto a aquisição de cds atingiu apenas 18%.   


Com o passar dos anos, o Apple Music ganhou rivais de peso, como o Spotify, e mudou de vez o hábito das pessoas em todo o mundo sobre o consumo de música. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos