Mil pessoas são internadas por incêndio em Mosul

BEIRUTE, 22 OUT (ANSA) - Cerca de mil pessoas foram internadas em hospitais do Iraque após apresentarem problemas respiratórios causados pela fumaça em uma fábrica de sulfato em Mosul, onde ocorrem combates entre militares e terroristas do Estado Islâmico (EI). O primeiro-ministro do Iraque, Haider al-Abadi, disse que o incêndio na fábrica ocorreu há dois dias e que o fogo foi iniciado propositalmente por jihadistas do EI. A Defesa Civil do Iraque e as equipes de segurança já conseguiram controlar as chamas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos