Paz no Oriente Médio não é mais adiável, diz Mattarella

BELÉM, 01 NOV (ANSA) - Em visita a Belém, na Cisjordânia, o presidente da Itália, Sergio Mattarella afirmou nesta terça-feira (1º) que não é possível continuar adiando a reconciliação entre Israel e Palestina.   

A declaração foi dada em um encontro com o chefe da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, durante o qual o italiano também disse que a retomada das negociações de paz no Oriente Médio deve ser uma "prioridade" da comunidade internacional.   

"A reconciliação árabe-israelense não é mais procrastinável", destacou Mattarella, acrescentando que a Itália continuará apoiando "com convicção" o fortalecimento das instituições palestinas.   

Por sua vez, Abbas garantiu que a paz é seu "objetivo estratégico", mas ressaltou que para isso é preciso acabar com a "ocupação israelense", de modo que os dois Estados possam conviver pacificamente "um ao lado do outro".   

Além disso, o líder palestino expressou solidariedade às vítimas dos terremotos que atingiram o centro da Itália nos últimos dias. "Estou seguro da capacidade italiana de superar esse momento difícil", salientou Abbas.   

Mattarella está no Oriente Médio desde o fim de semana e já visitou Jerusalém, onde se reuniu com o presidente de Israel, Reuven Rivlin. A viagem ocorre em um momento de tensão entre os dois países por conta da abstenção italiana na votação de uma resolução da Unesco que nega a ligação dos judeus com locais sagrados de Jerusalém.   

Por conta disso, o vice-ministro de Cooperação Regional Ayoob Kara chegou a dizer que os terremotos da semana passada foram uma "punição divina" à Itália. Mattarella deve voltar a Roma nesta quarta-feira (2), quando visitará as áreas atingidas pelos tremores. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos