EUA ligam alerta máximo contra atentados nas eleições

NOVA YORK, 04 NOV (ANSA) - Agentes federais alertaram as autoridades de três estados norte-americanos sobre a possibilidade de atentados terroristas da Al Qaeda perto do dia da eleição presidencial e até no próprio 8 de novembro.   

"Estamos cientes das informações. Estamos trabalhando com o FBI e os órgãos antiterrorismo", diz um comunicado da polícia de Nova York, que já estava em alerta máximo por conta da maratona do próximo domingo (6), que reunirá mais de 50 mil pessoas.   

A inteligência norte-americana lançou um alarme de terrorismo para segunda-feira que vem (7), véspera da eleição presidencial.   

Existe o temor de que a Al Qaeda também tente atacar Texas e Virgínia, além de Nova York.   

A ameaça está sendo levada muito a sério, mesmo que os serviços secretos ainda estejam avaliando sua credibilidade. Por conta disso, a polícia deve reforçar os controles nos colégios eleitorais, que são considerados alvos "convidativos" para lobos solitários.   

Os EUA conviveram nos últimos anos com diversos ataques perpetrados por extremistas sem filiação a nenhum grupo, como o que matou três pessoas na maratona de Boston em 2013 e o que fez cerca de 50 vítimas em uma boate de Orlando em junho passado.   

Além disso, a Al Qaeda foi responsável pelo maior atentado terrorista em solo norte-americano, que atingiu as Torres Gêmeas do World Trade Center, em Nova York, e o Pentágono, nos arredores de Washington, matando quase 3 mil indivíduos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos