Italiano campeão olímpico no Rio tem medalha de ouro furtada

ROMA, 10 NOV (ANSA) - Campeão olímpico no Rio de Janeiro, o esgrimista italiano Daniele Garozzo teve sua medalha de ouro furtada durante uma viagem de trem para Turim.   


O caso foi há cerca de 10 dias, mas Garozzo o divulgou apenas nesta quinta-feira (10). Segundo o esgrimista, o crime ocorreu enquanto ele estava dormindo. "Não foi um belo despertar, a decepção foi muito grande. A medalha estava guardada em uma caixinha na mochila, então quem a pegou achou que estava pegando algo materialmente precioso", disse o italiano.   


Apesar de lamentar o furto, Garozzo afirmou ser um "otimista" e que espera conquistar outras medalhas no futuro. "Mas se quiserem me devolver, a colocarei no lugar onde deveria estar, na cômoda ao lado da minha cama", completou.   


Com 24 anos de idade, o esgrimista disputou no Rio sua primeira edição de Olimpíadas e conquistou o ouro no florete, ao derrotar o norte-americano Alexander Massialas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos