Ex-governador Sergio Cabral é preso no Rio de Janeiro

SÃO PAULO, 17 NOV (ANSA) - O ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral foi preso no início da manhã desta quinta-feira (17) em seu apartamento no Leblon em uma operação da Polícia Federal. Pouco antes das 7h, o carro dos policiais deixou o prédio de Cabral após muitas pessoas terem ido ao local para criticar o ex-governador. A prisão foi realizada no âmbito da Operação Calicute, que é um desdobramento da Lava Jato, e acusa Cabral de ser o líder de um grupo que desviou cerca de R$ 225 milhões em contratos com empreiteiras. Segundo a PF, as obras afetadas pelos desvios foram no Maracanã, para a Copa do Mundo de 2014, e no arco metropolitano. O ex-governador comandou o estado do Rio entre os anos de 2007 e 2014.   


Ao todo, foram expedidos 52 mandados de busca e apreensão, 10 de prisão preventiva (incluindo o ex-secretário de governo de Cabral, Wilson Carlos, e do ex-secretário de obras, Hudson Braga), três de prisão temporária e 14 mandatos de condução coercitiva, quando o investigado é obrigado a ir depor. A ação é mais uma etapa ligada à delação premiada da Andrade Gutierrez e da Carioca Engenharia. Ela ocorre um dia após a prisão do ex-prefeito do Rio Anthony Garotinho, mas as operações não tem ligação. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos