Jornal prevê Itália fora do euro se 'não' vencer referendo

ROMA, 21 NOV (ANSA) - O jornal britânico "Financial Times" publicou nesta segunda-feira (21) um artigo alertando que uma eventual vitória do "não" no referendo constitucional de 4 de dezembro poderia colocar em risco a permanência da Itália na zona do euro.   

O texto, assinado pelo editor Wolfgang Münchau, alerta que a consulta popular convocada pelo primeiro-ministro Matteo Renzi tem potencial para se tornar a nova crise da moeda comum na Europa. No referendo, o povo decidirá se aceita ou não a reforma constitucional do governo, que prevê o fim do bicameralismo paritário e a transferência de competências das Regiões para o Estado.   

Caso o "não" vença, é provável que Renzi renuncie ao cargo, levando o país às urnas para eleições parlamentares, quando o partido antissistema Movimento 5 Estrelas (M5S) teria grandes chances de ser o mais votado. Apesar de não pregar um rompimento com a União Europeia, a legenda defende que a Itália abandone o euro.   

"Uma sequência de eventos que colocaria em dúvida a permanência da Itália na zona do euro. Uma possibilidade inquietante e que não tem nada a ver com o referendo em si", diz o "Financial Times". Segundo o jornal, contribui para esse cenário o "fracasso" da UE, que não soube construir uma verdadeira união econômica e bancária após a crise dos últimos anos e se preocupou apenas com a austeridade fiscal.   

Já o norte-americano "The Wall Street Journal" escreveu, também nesta segunda-feira (21), que o referendo pode "abalar" os títulos bancários e "enfraquecer" ainda mais o euro. No entanto, o diário ressalta que os efeitos seriam menos severos se o apoio ao M5S diminuísse. Por sua vez, o ministro dos Bens Culturais da Itália, Dario Franceschini, afirmou que a hipótese de a consulta popular desatar uma nova crise na zona da moeda comum é "totalmente infundada e exagerada". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos