Venda do Milan acontecerá em 13 de dezembro, diz Berlusconi

MILÃO, 21 NOV (ANSA) - O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi afirmou que a conclusão da venda do Milan a um grupo de investidores chineses deverá acontecer no dia 13 de dezembro.   


"O 'closing' foi fixado para o dia 13 de dezembro. Acreditamos que não haverá obstáculos para conseguir as autorizações do Estado chinês. Pensamos que [a venda será selada] na data anunciada", afirmou Berlusconi durante um jantar após empate de derby com a Inter de Milão neste domingo (20).   


O ex-premier italiano também disse que a venda nunca foi algo fácil e que o universo do futebol pode ser comparado atualmente com um jogo de Monopoly. Vender o time "foi uma decisão muito dolorosa e por isso talvez o futebol seja como o Monopoly, onde os milhões não contam nada", disse o político. Berlusconi também disse qual influência quer ter no Milan depois que ele for vendido. "Os chineses insistem com muita determinação que eu continue como o presidente do Milan. Mas continuar presidente em uma sociedade de outros era uma coisa que eu não podia considerar.   


"Ofereceram-me a presidência honorária sem a nomeação de outro presidente. Acredito que posso tentar uma situação como essa", explicou o italiano. O ex-primeiro-ministro também disse que, com esse cargo, deve ter "possibilidade de intervenção, por exemplo, dizer sim ou não a aquisições e concessões". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos