HIV contamina 1 jovem a cada 2 minutos, alerta Unicef

ROMA, 1 DEZ (ANSA) - No Dia Mundial de Luta Contra a Aids, o Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef) fez uma previsão dramática. De acordo com o órgão, os casos de contaminação pelo vírus HIV em jovens e adolescentes crescerão 60% até 2030.   

"A cada dois minutos, um adolescente, geralmente uma menina, contrai HIV", afirmou o Unicef, em um relatório lançado hoje. Segundo a entidade da ONU, o cenário até 2030 poderá ser evitado somente se novas medidas de prevenção começarem a ser adotadas atualmente. Hoje em dia, a média é de 250 mil novos casos de contágio por HIV todos os anos entre os adolescentes. Caso nada seja feito até 2030, essa cifra chegará a 400 mil por ano. A Aids é uma das principais causas de morte de adolescentes. No ano passado, 41 mil jovens com idades entre 10 e 19 anos faleceram em decorrência da doença. "Fizemos enormes progressos para colocar um fim à Aids, mas a batalha ainda está longe de ser concluída, sobretudo entre crianças e adolescentes", disse o diretor-geral do Unicef, Anthony Lake. As crianças de 0 a 4 anos que nasceram com o vírus da Aids estão no maior grupo de risco de morte, de acordo com o Unicef. Isso porque a maioria dos casos é diagnosticado e tratado tardiamente. Na África Subsaarianaa, a idade média das crianças que começam o tratamento contra a doença é de 4 anos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos