Em última reunião, Renzi diz que PD não tem medo das urnas

ROMA, 7 DEZ (ANSA) - Sob muitos aplausos, o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, iniciou a reunião do Partido Democrático (PD) nesta quarta-feira (7) dizendo que a sigla "não tem medo" das urnas e que está disponível para ajudar o presidente Sergio Mattarella a fazer a transição política após a sua saída.   

"Nós não temos medo de nada e de ninguém. Se os outros querem ir votar, depois da sentença da Consulta, que digo que sim porque aqui todos assumem suas responsabilidades", disse Renzi ao citar as duas alternativas que está propondo após sua saída.   

Como fontes haviam antecipado, o premier propôs ao PD um governo "de responsabilidade" nacional, com todas as forças políticas ou novas eleições. Essa era a última etapa formal de Renzi antes de entregar, de maneira definitiva, sua renúncia nesta quarta-feira. "Somos o partido que tem a maioria. Precisamos dar uma mão ao presidente da República a encerrar a crise [do governo] na modalidade que ele escolherá", disse ainda.   

Ao falar da proposta para a transição, Renzi pediu que "uma delegação seja enviada à Quirinale composta por um dos dois vice-secretários, com [Lorenzo] Guerini como presidente" e propôs que esses representantes tenham uma "convocação permanente para permitir" a informação de "elementos novos".   

O primeiro-ministro ainda pediu para que seja feita uma reflexão interna pela sigla sobre o resultado do referendo e que isso "seja muito duro" para entender o Partido Democrático. "Mas, isso deve acontecer depois da crise do governo que será aberta a partir de agora".   

Sobre as consultas de Mattarella, que devem ser iniciadas já nesta quinta-feira (8), Renzi afirmou que a delegação designada pelo PD "irá discutir de modo democrático e claro o percurso a ser escolhido". "O PD não foge da democracia e da transparência e tem o hábito de não fugir mesmo que seja de um streaming", disse o premier cutucando seu maior rival, Beppe Grillo, do Movimento Cinco Estrelas (M5S). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos