Turista italiano é morto em favela do Rio de Janeiro

SÃO PAULO, 8 DEZ (ANSA) - Um turista italiano foi morto nesta quinta-feira (8), no Rio de Janeiro, após entrar por engano no Morro dos Prazeres, na favela de Santa Teresa, na região central da cidade.   


Identificado como Roberto Bardella, o estrangeiro, que viajava com uma moto, foi baleado na cabeça, segundo informações das autoridades. Ele estava acompanhado de um amigo, o também italiano Rino Polato, que conseguiu fugir a tempo. De acordo com o delegado André Leiras, da delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro, o sobrevivente não tinha ferimentos, mas estava muito nervoso. Segundo informações do comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), os policiais receberam uma denúncia, às 11 horas da manhã, de que dois turistas estavam desaparecidos na favela.   


O corpo de Bardella foi encontrado na Rua Cândido de Oliveira, enquanto Polato foi resgatado pela polícia em um dos acessos do morro. As duas motocicletas também foram recuperadas.   


A morte do italiano já é capa de diversos jornais na Itália, que inclusive destacaram o fato de o Morro dos Prazeres ser considerado "pacificado". Após o homicídio, o Ministério das Relações Exteriores da Itália afirmou que "segue o caso com o Consulado Geral do Rio de Janeiro, em estreito contato com as autoridades locais". Este é o terceiro caso de morte de italiano no Brasil em menos de um mês. Na madrugada do dia 18 de novembro, Pamela Canzonieri foi encontrada estrangulada em sua casa em Morro de São Paulo, na Bahia. Em 5 de dezembro, o milanês Alberto Baroli, de 51 anos, foi assassinado no Ceará após reagir um assalto. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos