Recontagem em Wisconsin confirma vitória de Trump

NOVA YORK, 12 DEZ (ANSA) - O estado norte-americano de Wisconsin concluiu nesta segunda-feira (12) a recontagem dos votos da eleição presidencial de 8 de novembro e confirmou a vitória do republicano Donald Trump.   

A nova apuração havia sido pedida pela candidata "verde" Jill Stein, que alegava suspeitas de invasão de hackers nos computadores que realizam a contagem dos votos. Situado no norte do país, Wisconsin contribui com 10 votos no colégio eleitoral e escolhia candidatos democratas desde 1988. A vitória de Trump no estado foi considerada uma surpresa.   

Segundo a recontagem, o republicano teve 22 mil votos a mais que Hillary Clinton. Stein também chegou a pedir uma nova apuração em Michigan e Pensilvânia, outros estados "azuis" conquistados pelo magnata, mas sem sucesso.   

Apesar de ter uma vantagem de quase 3 milhões de votos no total, Hillary foi derrotada no colégio eleitoral, já que não conseguiu vencer em estados considerados cruciais. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos