Itália e Brasil ficam fora da disputa pelo Oscar

LOS ANGELES, 16 DEZ (ANSA) - O documentário italiano "Fuocoammare", de Gianfranco Rosi, e o filme brasileiro "Pequeno Segredo", de David Schurmann, ficaram de fora da lista de pré-selecionados para a disputa de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2017.   


A Academia de Artes e Ciência Cinematográficas publicou na noite desta quinta-feira (15) as nove obras que continuam na disputa: "Tanna", da Austrália, "It's Only the End of the World", do Canadá, "Land of Mine", da Dinamarca, "Toni Erdmann", da Alemanha, "The Salesman", do Irã, "A man called Ove", da Suécia, e "My life is a zucchini", da Suíça.   


Entre os escolhidos, os favoritos são o alemão "Toni Erdmann", grande vencedor de prêmios europeus, e o iraniano "The Salesman".   


No entanto, o documentário italiano que conta a história dos imigrantes sob a ótica dos imigrantes da ilha de Lampedusa, ainda pode ter esperança de levar a famosa estatueta. Isso porque ele foi incluído na pré-lista de documentários ainda em disputa.   


"Fuocoammare" acumula prêmios ao redor do mundo e foi o grande vencedor de um dos mais importantes eventos do cinema mundial.   


Em fevereiro, ele levou o Urso de Ouro do Festival de Cinema de Berlim. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos