Índia multará aviões que jogarem dejetos humanos no ar

NOVA DELI, 21 DEZ (ANSA) - Um tribunal de justiça da Índia determinou nesta quarta-feira (21) que todas as companhia aéreas do país serão multadas se os aviões despejarem resíduos humanos no ar durante o voo. De acordo com o jornal "The Times of India", a multa para cada aeronave será no valor de 50 mil rúpias, o equivalente a cerca de 700 euros, caso eliminem os resíduos orgânicos do vaso sanitário no ar ou antes do desembarque.   

Segundo a publicação, o Tribunal Nacional emitiu uma ordem pedindo para a Direção Geral da Aviação Civil (DGCA) enviar um comunicado para todas as empresas informando sobre a proibição.   

A decisão foi assinada pelo juiz Swatanter Kumar e afirma que "a DGCA também deve se certificar de que os inspetores façam a checagem após a aeronave aterrissar". A ordem foi emitida após o tribunal receber denúncias da população que reside próximo ao aeroporto internacional de Nova Deli de que dejetos humanos caíram do céu.   

Os resíduos dos aviões são armazenados em contentores próprios que são retirados quando o aparelho pousa. No entanto, as autoridades da aviação internacional admitiram que podem ocorrer vazamentos enquanto o avião está no ar. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos