Maioria dos italianos vai ficar em casa na virada de ano

ROMA, 30 DEZ (ANSA) - Três entre quatro italianos vão fazer o último jantar do ano em suas próprias residências, de acordo com pesquisa realizada pela Confederação Nacional dos Cultivadores Diretos (Coldiretti).   


Segundo o estudo, 78% das pessoas passarão a virada do ano em sua casa, enquanto 15% escolheram brindar o novo ano em restaurantes. Cada reserva de mesa custará, em média, 80 euros por família.   


De acordo com a Coldiretti, nove entre 10 italianos, cerca de 89%, consideram o vinho espumante como principal produto para se consumir durante a ceia, seguido da lentinha, presente em 88% do menu. Segundo as crenças dos entrevistados, o grão representa sorte, prosperidade e saúde.   


Entre os alimentos que estarão presentes nos jantares dos italianos, também aparecem ostras, caviar, peixes, mariscos e anchovas. O salmão é o preferido, presente em 56% dos menus, assim como "cotechino", tipo de linguiça, que lidera com 72% da preferência.   


Durante as festividades de final de ano será utilizada cerca de 90% da produção nacional, segundo a Coldiretti. Entre as novidades, há um espaço dedicado à solidariedade. Um em cada quatro italianos, cerca de 24%, optaram por comprar produtos típicos das regiões afetadas por terremotos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos