'Django', de Etienne Comar, abrirá Festival de Berlim

BERLIM, 4 JAN (ANSA) - O filme "Django", do diretor francês Etienne Comar, abrirá a 67º edição do Festival Internacional de Cinema de Berlim, anunciaram os organizadores do evento nesta quarta-feira (4).   


A exibição será realizada no dia 9 de fevereiro e o longa protagonizado por Reda Kateb estará na disputa pelo Urso de Ouro, o principal prêmio da Berlinale. A obra conta a história da lenda do jazz Django Reinhardt, que fugiu de Paris enquanto a cidade era ocupada pelos militares de Adolf Hitler, em 1943. Sua família foi "caçada" pelo regime nazista.   


"'Django' conta de maneira convincente um capítulo da sua vida movimentada e tem uma envolvente história de luta pela sobrevivência. A ameaça constante, a fuga e as assustadoras maldades aplicadas contra sua família não foram capazes de impedir que ele continuasse a tocar", disse o diretor artístico do Festival, Dieter Kosslick.   


Comar já participou da Berlinale como roteirista e produtor com os filmes "Homens e Deuses", "Timbuktu" e "Meu Rei" e essa será sua estreia na premiação como diretor.   


O evento ocorre entre os dias 9 e 19 de fevereiro e terá dois filmes brasileiros na mostra paralela Panorama. "Vazante", de Daniela Thomas, e "Pendular", de Julia Murat, serão exibidos em Berlim.   


Na edição de 2016, o documentário italiano "Fuocoammare", de Gianfranco Rosi, foi o grande vencedor do Festival e levou o Urso de Ouro. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos