Ações da FCA disparam após recomendação positiva

MILÃO, 06 JAN (ANSA) - O grupo automobilístico Fiat Chrysler Automobiles (FCA) viu o preço de suas ações na Bolsa de Valores de Milão, na Itália, dispararem nesta sexta-feira (6) por conta de uma recomendação positiva do banco norte-americano Goldman Sachs.   

A cotação dos papéis da FCA fechou o dia com alta de 7%, ao preço de 9,9 euros. A valorização ocorreu após uma das principais instituições financeiras dos Estados Unidos ter colocado as ações da empresa em sua lista de "preferidas".   

Para o Goldman Sachs, os títulos da Fiat Chrysler podem chegar a 16,5 euros, o que representaria uma valorização de 66% em relação ao preço atual. Segundo os analistas do banco, apesar da deterioração do mercado de automóveis nos EUA, os investidores estão "subestimando" a capacidade da FCA de melhorar seu desempenho na "área Nafta", que engloba Estados Unidos, Canadá e México.   

De acordo com a instituição, isso será feito por meio do foco na produção de carros mais rentáveis ao invés de veículos populares. Líder no mercado brasileiro, a Fiat Chrysler Automobiles é dona de marcas como Alfa Romeo, Dodge, Maserati e Jeep, além das duas que lhe dão nome. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos