Índia fica de luto por morte de astro de Bollywood

NOVA DÉLHI, 6 JAN (ANSA) - A Índia acordou de luto nesta sexta-feira, dia 6, com a morte do renomado ator Om Puri, um dos maiores símbolos do cinema de Bollywood das décadas de 1980 e 1990, que faleceu devido a um infarto em sua casa em Mumbai aos 66 anos.   

Segundo a imprensa do país, o artista se sentiu mal pela manhã e não conseguiu ser socorrido a tempo por uma ambulância.   

Protagonista de dezenas de filmes consagrados do cinema indiano, principalmente das últimas duas décadas do século 20, Puri também chegou a realizar importantes papeis em filmes britânicos, norte-americanos e paquistaneses.   

No Ocidente, os maiores longas nos quais atuou foram "Mahatma Gandhi", no qual fez uma rápida aparição, "Cidade da Esperança", "Lobo", "Jogos do Poder", o "Relutante Fundamentalista", "A 100 Passos de um Sonho" e "East is East". Já na Índia, os principais filmes que fez foram "Ardh Satya", "Jaane Bhi Do Yaaro" e "Paar".   

Além de ser um grande ator, Puri também ficou conhecido por criticar o banimento de artistas paquistaneses em filmes de Bollywood, feita pelo governo indiano devido às tensões entre as duas nações, e o linchamento de um muçulmano que consumiu carne de vaca, considerado um animal sagrado na Índia, chamando as autoridades de hipócritas.   

Ao saber da morte do ator, artistas, cineastas, celebridades, fãs e até o primeiro-ministro do país, Narendra Modi, lamentaram o acontecido e fizeram homenagens ao astro falecido. No Twitter, o premier mandou suas "condolências pela morte" de Puri e relembrou "sua longa carreira no teatro e em filmes". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos