Parlamento declara 'abandono de cargo' por Nicolás Maduro

CARACAS, 9 JAN (ANSA) - A Assembleia Nacional da Venezuela, que é dominada pela oposição, aprovou por 106 votos nesta segunda-feira (9) a declaração de "abandono de cargo" por parte do presidente Nicolás Maduro.   

Segundo os parlamentares, o mandatário é o responsável pela "completa crise socioeconômica" que atinge a nação e pela "ruptura da ordem constitucional e democrática".   

"Aprovado o acordo de declaração de abandono de cargo do presidente da República por parte de Nicolás Maduro com a qual se exige uma saída eleitoral para a crise", disse o chefe do Parlamento, Julio Borges. A decisão foi rechaçada pelos apoiadores do presidente, que argumentaram que as medidas aprovadas pela Assembleia são "ilegais" porque não acatam decisões do Tribunal Supremo de Justiça. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos