Madonna diz que eleição de Trump é 'pesadelo'

NOVA YORK, 11 JAN (ANSA) - "Foi como assistir um show de horror", disse a cantora Madonna em entrevista para o portal "Harper's Bazaar", sobre a noite da apuração dos votos para a Presidência dos EUA, a qual venceu o magnata Donald Trump. "Como foi viver a noite da eleição de Trump?", perguntou a revista. A rainha do pop respondeu sem oscilar: "foi como ser abandonada por seu amor, é como estar presa em um pesadelo". A autora de "Like a Prayer" ainda disse que durante a apuração de votos, ela lia uma texto canônico da Cabala , tudo para que Trump não ganhasse. A entrevista para a edição de fevereiro foi realizada duas semanas depois das eleições. "Desde aquela noite, eu acordo todos os dias e me digo: espere um momento. Donald Trump é o presidente dos Estados Unidos. Não é um pesadelo. É verdade", desabafou a cantora de 58 anos.   


Madonna ainda criticou seus colegas da música que não assumem suas posições políticas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos