Tunisisano é 1º condenado por lei anti-terrorismo na Itália

RAVENA, 12 JAN (ANSA) - O primeiro "foreign fighter" (estrangeiros que são recrutados por grupos terroristas) a ser detido na Itália depois que um decreto-lei que criminaliza o ato de ir ao exterior para lutar ao lado dos jihadistas entrou em vigor, em fevereiro de 2015, foi condenado a 3 anos e seis meses de prisão.   

Noussair Louati é um tunisiano de 28 anos que foi detido na cidade de Ravena, na região da Emília Romanha, na noite do dia 22 de abril de 2015, pela acusação de ter ligação com o grupo Estado Islâmico. A prisão foi feita pela Divisão de Investigações Gerais e Operações Especiais (Digos) da cidade.   

Em um videoconferência, Louati, que atualmente está preso em um cárcere de Turim, admitiu ser culpado das acusações da polícia de ter sofrido, graças ao uso de drogas, "uma lavagem cerebral" das mesmas pessoas que o contataram para que ele fosse à Síria participar da "guerra santa".   

No entanto, o tunisiano afirmou que está arrependido e garantiu que havia cortado todo e qualquer contato com os jihadistas cerca de 20 dias antes de ter sido detido pela polícia italiana.   

O jovem estava sendo investigado pelas Digos de Ravena e de Bolonha desde metade de fevereiro de 2011, quando Louati tentou, em vão, pedir uma ajuda econômica para a sua viagem à Síria através da Turquia em uma mesquita de Milão. Os oficiais os prenderam um pouco antes que o "foreign fighter" viajasse para a Alemanha, em um outro plano para chegar ao país árabe.   

Durante as investigações, descobriu-se que o homem, que é casado com uma italiana, com a qual tem uma filha, fazia parte da "mesma associação de militantes jihadistas ativa na província da qual participavam outros cinco tunisianos que recentemente partiram para a Síria", afirmou o Juiz de Investigações Preliminares (GIP). Quatro destes homens já "morreram em combate ou durante a permanência em campos de treinamento", explicou O GIP. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos