Incêndio que atingiu Gênova pode ter origem criminosa

GÊNOVA, 17 JAN (ANSA) - Os bombeiros italianos conseguiram controlar os incêndios que atingiam os Monte Moro e Monte Fasce em Gênova, na Itália, após horas incessantes de atuação. No entanto, autoridades acreditam que pelo menos um desses incidentes tenha sido criminoso.   

Segundo fontes investigativas, o primeiro pode ter sido causado acidentalmente por trabalhadores locais, que acenderam uma fogueira para tentar se esquentar das baixíssimas temperaturas que atingem a Itália. No entanto, o segundo apresenta características "dolosas".   

"A situação é muito crítica e complexa, mas no momento está sob controle. Estamos quase finalizando a situação. As condições climáticas não ajudam, em particular o forte vento que alimenta as chamas", disse o prefeito local, Marco Doria.   

Ao todo, cerca de 300 pessoas foram obrigadas a deixar suas casas por causa do intenso fogo que atingiu a região e que se espalhou por diversos bairros de Gênova. No entanto, a maior parte deles já conseguiu voltar para casa. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos