Defesa de prefeita de Roma consegue adiar depoimento

ROMA, 29 JAN (ANSA) - A prefeita de Roma, Virginia Raggi, não irá mais depor nesta segunda-feira (30) para a Procuradoria de Roma no caso da nomeação do ex-assessor de Turismo Renato Marra, informou seu advogado, Alessandro Mancori, neste domingo (29).   

Sem dizer os motivos para o pedido de adiamento, Mancori informou que ela irá depor "na próxima semana", sem precisar uma data. Raggi é acusada de abuso de poder e falso testemunho pela nomeação de Renato, que é irmão de seu ex-chefe do Departamento Pessoal da Prefeitura, Raffaele Marra. Este último foi preso por corrupção no dia 16 de dezembro.   

Raggi pode ser condenada a até três anos de prisão se os procuradores decidirem abrir processo contra ela por "danos ao erário", ou seja, aos bens e patrimônio público pelo pagamento dos salários a Renato. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos