Espanha desmantela quadrilha que falsificava Ferraris

Em Madri

  • Daniel Leal-Olivas/ AFP

A polícia da Espanha prendeu três pessoas na cidade de Sils, na província de Girona, por serem responsáveis por uma montadora clandestina que "transformava" carros comuns em réplicas de veículos esportivos de luxo, como Ferraris e Lamborghinis, e que depois as vendiam na internet.

De acordo com um comunicado da Polícia Nacional, responsável pela investigação, 14 carros foram apreendidos no local, entre eles quatro Ferraris já prontas para a venda.

Segundo oficiais que conduziram as prisões, também foram recuperadas "várias peças, elementos distintivos das marcas afetadas, moldes de fibra de vidro para peças da carroceria das marcas, odômetros e documentação relacionada aos veículos".

A "transformação" dos carros se dava com uma mudança nos chassis e os veículos falsificados eram vendidos na internet por preços de cerca de 40 mil euros (cerca de R$ 132,5 mil).

A investigação do caso começou quando uma Ferrari falsa, que violava as patentes da marca italiana, foi parada na cidade de Benidorm pela polícia espanhola.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos