Juppé anuncia que não será candidato à presidência da França

PARIS, 6 MAR (ANSA) - O ex-primeiro-ministro da França, Alain Juppé anunciou nesta segunda-feira (6) que não será candidato às eleições presidenciais da França caso o conservador François Fillon retire a sua candidatura.   

"Confirmo de uma vez por todas que não serei candidato à Presidência da República", declarou Juppé à imprensa afirmando que é "tarde demais" e que não "encarna a renovação" que a França precisa.   

A declaração de Juppé, realizada em Bordéus, onde é presidente da Câmara, acontece pouco depois do ex-presidente francês Nicolas Sarkozy ter proposto uma reunião com ele e com Fillon.   

Em comunicado, Sarkozy, que também é ex-presidente do partido conservador francês, afirmou que "perante a gravidade da situação, cada um deve fazer tudo para preservar a unidade".   

Além disso, ele disse que a "situação é insustentável e cria uma profunda consternação nos franceses".   

A candidatura de Fillon perdeu apoio devido a um escândalo de corrupção envolvendo seu mulher, acusada de ter um emprego fictício. No último domingo, o conservador foi questionado se iria abandonar a candidatura. No entanto afirmou "que não vê razão para isso".   

Fillon participou de um ato na Praça do Trocadero, em Paris, que reuniu seus apoiadores. O ato foi uma resposta aos chefes do partido conservador que estão pressionando para que ele abandone a disputa. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos