Apesar de críticas à OTAN, Trump irá a cúpula em Bruxelas

NOVA YORK, 22 MAR (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou sua participação na cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) em Bruxelas, na Bélgica, marcada para 25 de maio. A confirmação veio da Casa Branca, ressaltando que Trump reconhece o "forte compromisso" dos EUA com os aliados da OTAN e que o republicano aproveitará a ocasião para "discutir temas centrais para a parceria, como a divisão de responsabilidades e o papel da entidade na luta contra o terrorismo". O apoio de Trump à OTAN, que reúne os países da Europa para missões militares, tem gerado polêmica desde as campanhas eleitorais à Presidência dos EUA, no ano passado.   

O magnata, que venceu as eleições de novembro, sempre exigiu que os outros países-membros da OTAN aumentassem sua participação financeira para a manutenção da aliança, compartilhassem as responsabilidades, aliviando o peso para os EUA, e investissem em defesa. Apesar da diplomacia norte-americana trabalhar nos bastidores para garantir que não haja rupturas dentro da Otan, Trump protagonizou uma gafe com a chanceler alemã, Angela Merkel, ao se recusar a apertar sua mão em um encontro oficial na semana passada, durante o qual o presidente reclamou que "muitos países não investem em defesa".   

O gesto foi visto como discórdia e oposição a Merkel, que tenta manter a União Europeia (UE) unida e a OTAN em atividade, enfrentando os movimentos nacionalistas e de extrema-direita que ganham cada vez mais força no continente. Em contrapartida, Trump tem se mostrado próximo do governo da premier britânica, Theresa May, que conduz o "Brexit", processo que retirará o Reino Unido da UE. Fundada em 4 de abril de 1949, a Organização do Tratado do Atlântico Norte possui 28 membros atualmente. Seu secretário é Jens Stoltenberg. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos