Esposa de candidato à Presidência da França é indiciada

PARIS, 28 MAR (ANSA) - Penelope Fillon, esposa do candidato dos Republicanos à Presidência da França, François Fillon, foi indiciada nesta terça-feira (28) no processo que investiga a criação de empregos fictícios por seu marido enquanto ele ainda era parlamentar na Assembleia Nacional.   

Penelope foi interrogada durante toda a terça-feira por juízes que analisam o caso e deixou o tribunal por volta das 22h30 (hora local). A esposa do candidato da direita é investigada por cumplicidade na apropriação indébita de recursos públicos e fraude agravada.   

Já François foi acusado de mau uso de recursos públicos, abuso de bens sociais, cumplicidade e ocultação de delitos, tráfico de influência e violação de obrigações em matéria de transparência na vida pública.   

Na França, não é proibido contratar familiares para cargos públicos, mas o problema é que a esposa e dois dos filhos do casal foram registrados como funcionários sem, de fato, exercerem o cargo. A mídia francesa diz que a "fraude" do casal custou cerca de 500 mil euros aos cofres públicos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos