Evasão fiscal na Itália equivale a 5% do PIB

ROMA, 29 MAR (ANSA) - Ainda lutando para recuperar sua economia, a Itália sofre com uma evasão fiscal que passa de 110 bilhões de euros por ano, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (29).   

O número foi anunciado pelo presidente da comissão do Parlamento para a redação do relatório anual sobre economia clandestina, Enrico Giovannini, e representa pouco mais de 5% do Produto Interno Bruto (PIB) do país.   

As últimas cifras disponíveis são relativas a 2014, quando a evasão foi de 111,6 bilhões de euros. Dois anos antes, em 2012, o número fora de 108 bilhões. As maiores diferenças entre o imposto que se devia pagar e o efetivamente quitado estão nos setores de serviços a famílias (30%), comércio (26%), construção (24%) e serviços a empresas (20%).   

"A Itália sofre há anos um problema de crescimento da produtividade, e é evidente que, no momento em que uma empresa consegue seguir em frente por meio da evasão, terá muito menos incentivos para encontrar uma estrutura mais eficiente, para investir, inovar", disse Giovannini. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos