Fortes chuvas matam mais de 100 pessoas no sul da Colômbia

ROMA, 1 ABR (ANSA) - Ao menos 112 pessoas morreram e outras 200 ficaram feridas em um deslizamento de terra que ocorreu na noite desta sexta-feira (31) em Mocoa, no sul da Colômbia.   

Fortes chuvas estão atingindo a capital do departamento de Putumayo nas últimas horas, segundo a Cruz Vermelha. Segundo a instituição, ainda não se sabe ao certo quantas pessoas ainda estão desaparecidas.   

Com as chuvas intensas, os rios da cidade transbordaram, alagando bairros inteiros, destruindo casas e levando muita lama para as moradias.   

O presidente do país, Juan Manuel Santos, ordenou neste sábado (1) que as forças armadas intervenham na região para responder à emergência.   

Já o governador da região mais atingida pelo mau tempo, Sorrel Aroca, disse que quarteirões inteiros estão debaixo da água.   

O prefeito de Mocoa, José Antonio Castro, ressaltou que sua cidade está "totalmente isolada", sem eletricidade e água.   

O mês de março passado foi o que mais choveu na região desde 2011, segundo a agência meteorológica local. Putumayo se encontra perto da fronteira com o Equador e o Peru. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos