Em vitória de Trump, Gorsuch jura como juiz da Suprema Corte

WASHINGTON, 10 ABR (ANSA) - O juiz conservador Neil Gorsuch, 49 anos, prestou juramento nesta segunda-feira (10) e tornou-se o 113º membro da Corte Suprema dos Estados Unidos na história.   

Conservador, Gorsuch ocupará a vaga aberta há 14 meses depois da morte do também conservador Antonin Scalía.   

"Sinto-me honrado pela confiança em mim depositada e prometo que vou fazer tudo que estiver em meu alcance para ser um fiel servidor da Constituição e das leis desta grande nação", disse em juramento tanto no tribunal como no jardim da Casa Branca.   

O presidente norte-americano, Donald Trump, acompanhou o juramento na residência oficial do governo e afirmou que "a primavera é o fundo perfeito para este momento porque estamos revisando, renovando e reconstruindo o nosso país".   

A nomeação de Gorsuch só foi possível após uma mudança de regra no Senado, que tem a missão de aprovar um nome proposto pelo presidente. Chamada de "opção nuclear", os senadores republicanos mudaram uma regra histórica para a eleição.   

Até a última quinta-feira (6), para ser nomeado juiz da Suprema Corte, eram necessários 60 votos de senadores em 100 possíveis. Como não houve acordo com os democratas, o partido do presidente Trump mudou a regra para que a aprovação fosse por maioria simples - com 51 votos. No Senado, há 52 republicanos contra 48 democratas.   

Com isso, na sexta-feira (7), a nomeação de Gorsuch foi aprovada por 54 votos a favor e 45 contrários.   

No ano passado, o então presidente Barack Obama havia indicado o moderado Merrick Garland para a vaga de Scalía. Mas, como a Casa já era controlada pelos republicanos, eles obstruíram a indicação e não realizaram a votação.   

A Suprema Corte norte-americana é formada por nove juízes e, nas últimas décadas, sua composição sempre foi formada por cinco magistrados conservadores e quatro liberais. Com a posse de Gorsuch, essa configuração permanece. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos