Morre criança atingida em escola de San Bernardino

WASHINGTON, 11 ABR (ANSA) - Um dos estudantes feridos por um atirador em uma escola primária de San Bernardino, na Califórnia, morreu nesta terça-feira (11) após não resistir aos ferimentos. Segundo as autoridades locais, dois adultos também morreram, inclusive o atirador que teria se suicidado. Outra criança também foi atingida e está internada em condição estável após passar por uma cirurgia.   

A tragédia aconteceu na última segunda-feira (10) na escola primária North Park School, localizada próxima à Universidade de Cal-State Bernardino. Identificado como Cedric Anderson, de 53 anos, o atirador disparou contra sua ex-mulher, Karen Elaine Smith, professora da instituição.   

De acordo com chefe de polícia de San Bernardino, Jarrod Burguan, o casal havia se separado há cerca de um mês. Além disso, Anderson já tinha um histórico de violência doméstica.   

Ele teria acessado à escola como visitante.   

Burguan ainda afirmou que os alunos não eram alvo do ataque, mas foram atingidos porque estavam atrás da professora. Mais de 600 crianças foram evacuadas da escola.   

Em dezembro de 2015, a cidade de San Bernardino foi palco d eum massacre, quando dois terroristas do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) abriram fogo em um centro comunitário e mataram 14 pessoas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos