Gritando 'Alá é grande', homem faz disparos e mata 3 nos EUA

NOVA YORK, 18 ABR (ANSA) - Ao menos três pessoas morreram nesta terça-feira, dia 18, após serem baleadas por um homem na cidade de Fresno, na Califórnia, que gritava "Allahu Akbar" ("Alá é Grande") enquanto realizava os disparos. Segundo o chefe de polícia da cidade, Jerry Dyer, o homem que começou a atirar no centro do município nesta manhã se chama Kori Ali Muhammad, de 39 anos, apelidado por ele mesmo de "Jesus Negro", e já foi detido. De acordo com Dyer, mesmo tendo dito "Alá é Grande" em árabe, frase exclamada em muitos atentados terroristas, ainda não é possível dizer a motivação do ataque. No entanto, o oficial admitiu, durante uma coletiva de imprensa, que no perfil das redes sociais de Muhammad o homem havia publicado várias postagens contra pessoas brancas e, por isso, não parece ter ligações com jihadistas islâmicos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos