Chanceler italiano diz que isolar Rússia é erro estratégico

PESCARA, 19 ABR (ANSA) - O ministro das Relações Exteriores da Itália, Angelino Alfano, afirmou nesta quarta-feira (19) que isolar a Rússia internacionalmente é "um erro estratégico" para os governos mundiais.   

Ao participar de uma coletiva de imprensa em Pescara, Alfano foi questionado sobre as sanções aplicadas contra os russos pela União Europeia e pelos Estados Unidos.   

Apesar de demonstrar seu apoio à postura europeia, o chanceler destacou que ninguém "pode esquecer a parceria estratégica" com os russos "seja na questão do antiterrorismo, seja pelo papel da Rússia como um confiável fornecedor energético".   

As sanções aplicadas pelo Ocidente ao governo de Vladimir Putin referem-se ao papel russo na guerra ucraniana e, especialmente, pela anexação da Crimeia ao território da Rússia. Apesar de sempre negar sua ingerência na crise, os países ocidentais dizem que Putin ajuda os separatistas ucranianos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos