Jovens libertadas pelo Boko Haram chegam em Abuja

LAGOS, 07 MAI (ANSA) - As 82 jovens libertadas no último sábado (6) pelo grupo terrorista Boko Haram chegaram neste domingo (7) em Abuja, capital da Nigéria.   

Elas foram recebidas por Abba Kari, chefe de gabinete do presidente do país, Muhammadu Buhari, depois de terem passado mais de três anos nas mãos dos jihadistas.   

A libertação foi fruto de meses de negociações entre o governo e o Boko Haram, mediadas pela Cruz Vermelha Internacional e pela Suíça. Segundo o próprio Buhari, os terroristas exigiram a soltura de alguns militantes presos em penitenciárias nigerianas.   

Em abril de 2014, o Boko Haram sequestrou 276 meninas do dormitório de uma escola em Chibok. Durante o transporte das jovens, 57 delas conseguiram escapar. Nos últimos três anos, algumas garotas foram resgatadas, mas nunca em número tão grande como neste fim de semana.   

Contudo, o destino de 113 meninas continua desconhecido. "Uma grande, bela e inesperada notícia a libertação das 82 garotas.   

Mas ainda há muitas nas mãos do Boko Haram. Essa libertação deve nos dar mais ânimo para continuar a luta contra o terror", declarou a presidente da Câmara dos Deputados da Itália, Laura Boldrini, que está em visita oficial à Nigéria.   

O sequestro de Chibok causou comoção mundial e deu origem à campanha "Bring Back Our Girls" ("Tragam nossas garotas de volta"), promovida até pela ex-primeira-dama dos Estados Unidos Michelle Obama.   

Nos últimos anos, o Boko Haram se tornou um dos grupos terroristas mais sanguinários da África e chegou a controlar boa parte do norte da Nigéria, de maioria muçulmana. Contudo, vem sofrendo constantes derrotas militares, embora continue realizando ataques suicidas pelo país. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos