Naufrágio perto da Líbia deixa mais de 100 desaparecidos

ROMA, 8 MAI (ANSA) - Mais de 100 pessoas estão desaparecidas no Mar Mediterrâneo devido a um naufrágio na costa da Líbia, ocorrido ontem (7), informou a Organização Internacional para as Migrações (OIM). O naufrágio aconteceu perto da cidade portuária de Az Zawiyah e as operações de resgate estão sendo realizadas pela Guarda Costeira da Líbia, com o auxílio de pescadores locais. Até o momento, apenas sete pessoas foram resgatadas, sendo seis homens e uma mulher. Outras 113 estão desaparecidas. Testemunhas relatam que a embarcação havia aproximadamente 120 pessoas, incluindo 30 mulheres e nove crianças.   

Diariamente, barcos lotados de imigrantes tentam cruzar o Mar Mediterrâneo em direção à Europa. A maioria dos viajantes tenta fugir de conflitos armados, guerras e perseguições religiosas.   

Segundo relatórios da OIM, entre 1 de janeiro e 3 de maio de 2017, cerca de 44 mil imigrantes chegaram à Europa via Mar Mediterrâneo e mil morreram durante a travessia. A Itália é o país que mais recebe desembarques de imigrantes (37 mil desde janeiro), devido à proximidade geográfica com o norte da África, seguida pela Grécia (5,3 mil). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos