Putin defende Trump e oferece áudio de encontro com Lavrov

MOSCOU, 17 MAI (ANSA) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou hoje (17) que seu governo pode fornecer o áudio do encontro entre o chanceler russo, Sergei Lavrov, e o mandatário norte-americano, Donald Trump, envolvidos em um escândalo sobre troca de informações confidenciais. "Se o governo dos Estados Unidos der sua aprovação, estamos dispostos a apresentar o registro da conversa entre Lavrov e Trump ao Senado e ao Congresso", disse Putin."É claro, somente se o governo dos EUA quiser", completou.   

Trump e Lavrov tiveram um encontro oficial em Washington há uma semana. A imprensa norte-americana acusa Trump de fornecer dados altamente confidenciais ao ministro das Relações Exteriores da Rússia. As revelações colocariam em risco o trabalho de um espião dos EUA na Síria que apura a atuação do grupo Estado Islâmico (EI).   

A Casa Branca tentou conter os efeitos das revelações, que podem levar à inteligência russa a identificar os espiões norte-americanos. O caso veio à tona no mesmo momento em que Trump é criticado por demitir o diretor do FBI, James Comey, responsável por investigar as relações do magnata republicano com a Rússia e as interferências de Moscou nas eleições presidenciais de 2016.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos