Turquia mata dois suspeitos de preparar atentado para o EI

ROMA, 21 MAI (ANSA) - As autoridades turcas mataram dois suspeitos de planejarem um atentado em Ancara em nome do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), informou a agência de notíciais "Anadolu" neste domingo (21).   

De acordo com os investigadores, os dois homens foram mortos em uma operação da polícia em um apartamento no distrito de Etimesgut de Ancara. A ação aconteceu após a detenção em Istambul de outro suspeito de ser membro do EI. Segundo o governador da capital turca, Ercan Topaca, o cidadão teria afirmado que os homens "estavam a ponto de cometer um atentado", explicou.   

A identidade e a nacionalidade dos mortos não foram divulgadas, mas eles teriam entre 2 e 30 anos. A agência Anadolu informou que os dois terroristas tinham armas e explosivos no apartamento.   

A operação policial aconteceu no mesmo dia em que o partido que governa a Turquia se reuniu e reelegeu o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan para comandar a organização, após ficar afastado por três anos.   

"Com 1.414 votos, nosso líder fundador foi eleito presidente", afirmou Hayati Yazici, vice-presidente do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP), após uma votação dos delegados em Ancara.   

O resultado da eleição já era certo, tendo em vista que ele era o único candidato na disputa para presidir o AKP, que cofundou em 2001. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos