EI assume ataque contra ônibus de cristãos coptas no Egito

ROMA, 27 MAI (ANSA) - O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) reivindicou o atentado de ontem (26) contra um ônibus no Egito que levava cristãos coptas e o qual deixou 29 mortos e dezenas de pessoas feridas. O ônibus transportava cristãos coptas para o monastério de Anba Samnuel, em Minya, no sul do país. Um grupo de homens armados abriu fogo contra o veículo e todo o ataque foi filmado em vídeo. Os coptas frequentemente são alvos de atentados do Estado Islâmico no Egito e em outros países muçulmanos. Foi justamente para conter a perseguição de cristãos que o papa Francisco fez uma viagem ao Egito no fim de abril, ocasião em que se reuniu com líderes políticos e religiosos. Antes da visita de Jorge Mario Bergoglio, o EI tinha explodido duas igrejas coptas no país. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos