Roma confirma saída de Spalletti e abre caminho à Inter

ROMA, 30 MAI (ANSA) - Menos de dois dias após a despedida do ídolo e capitão Francesco Totti, a Roma oficializou nesta terça-feira (30) o rompimento com o técnico Luciano Spalletti, que é cotado para comandar a Inter de Milão.   


"Gostaríamos de dar nossos mais sinceros agradecimentos a Spalletti pelo grande trabalho desenvolvido e pela importante contribuição dada ao clube desde seu retorno. Sob seu comando, a equipe conquistou seu maior número de pontos e fez mais gols em toda sua história", disse, por meio de uma nota, o presidente giallorosso, James Pallotta.   


Apesar dos elogios, Spalletti vinha sendo contestado, principalmente entre os torcedores, por não conseguir fazer a Roma brilhar nos momentos decisivos e pelas poucas oportunidades dadas a Totti ao longo da temporada - o treinador foi vaiado durante a festa de despedida do craque.   


Ele estava na Roma desde janeiro de 2016 e foi vice-campeão italiano em 2017. Spalletti também já havia treinado a equipe da capital entre 2005 e 2009, quando conquistou duas Copas da Itália e uma Supercopa.   


O candidato mais forte para sua sucessão é Eusebio Di Francesco, que vem tendo boas temporadas à frente do pequeno Sassuolo, clube que levou para a primeira divisão em 2013 e que desde então permanece na elite do futebol italiano.   


Já Spalletti é cotado para assumir a endinheirada Inter de Milão, que busca um técnico de ponta para tentar recuperar o protagonismo no país da bota. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos