Quase 70 prefeitos dos EUA se comprometem com Acordo de Paris

ROMA E SÃO PAULO, 2 JUN (ANSA) - Ao menos 68 prefeitos e governadores dos Estados Unidos informaram através de comunicado que manterão as diretrizes do Acordo de Paris sobre o clima após o presidente Donald Trump anunciar a saída do país do pacto.   

Um dos primeiros a confirmar seu compromisso foi o prefeito de Pittsburgh, Bill Peduto. Através de sua conta no Twitter, o líder ficou "indignado" que Trump citou a cidade e informou que "como prefeito de Pittsburgh, posso assegurar a vocês que seguiremos as diretrizes do Acordo de Paris por nosso povo, nossa economia e nosso futuro".   

Ao anunciar a saída do acordo, o mandatário disse que foi eleito "para representar os cidadãos de Pittsburgh, não de Paris". A revolta de Peduto foi grande porque ele foi um dos norte-americanos que foi às longas negociações com os líderes mundiais sobre o tema.   

"Minha cidade, que finalmente conseguiu se recuperar de décadas de carnificina industrial, fará todo o possível para promover seus próprios padrões ambientais", acrescentou o prefeito.   

Além de Pittsburgh, prefeitos de Nova York, Los Angeles, Boston, Chicago, Houston, Salt Lake City, entre outros, confirmaram que manterão seu compromisso de "honrar" o maior acordo climático da história.   

Em nota conjunta, os governadores dos estados de Nova York, Califórnia e Washington anunciaram a criação da "Aliança do Clima" para respeitar os debates do Acordo de Paris e para "intensificar os esforços" para atingir as metas propostas no documento. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos