Itália prende grupo que usava barcos de luxo para tráfico

PALERMO, 6 JUN (ANSA) - A Procuradoria de Palermo determinou a prisão de 15 pessoas nesta terça-feira (6) acusadas de favorecer a imigração ilegal e transportar criminosos da Tunísia para a Itália em barcos de luxo.   

A organização teria transportado sujeitos procurados pelas autoridades tunisianas, incluindo pessoas procuradas por ligação com grupos terroristas de matriz islâmica. As viagens eram feitas em pequenos grupos de pessoas, para não chamar a atenção das entidades da Itália.   

De acordo com o procurador de Palermo, Francesco Lo Voi, a organização representava "uma ameaça para a segurança nacional".   

Além dos 15 detidos, foram apreendidos barcos e veículos usados no transporte daqueles que podiam pagar milhares de euros por cada uma das viagens.   

Os investigadores descobriram que, além de fazer o transporte dos suspeitos em menos de quatro horas, o grupo - que tinha também italianos envolvidos - garantia a segurança dos imigrantes ilegais até as cidades de destino deles.   

Ao todo, a Procuradoria conseguiu detectar cinco viagens com 14 pessoas consideradas "perigosas" até à Itália. Todos foram monitoradas pelas autoridades italianas. A atuação da Procuradoria e da Polícia fez com que outras viagens programadas pelos criminosos fracassem. De acordo com estimativas dos procuradores, caso tivessem sido efetuadas, elas teriam rendido mais de 100 mil euros para o grupo.   

Apesar na queda no número de imigrantes que chegam à Europa através do Mar Mediterrâneo, a Itália continua recebendo um alto número de deslocados.   

Conforme dados divulgados nesta terça-feira (6) pela Organização Internacional para as Migrações (OIM), foram 71.418 imigrantes que chegaram à Europa pelo mar, sendo que 60.388 foram à Itália.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos